Citação direta longa

Se o trecho que você deseja citar diretamente (isto é, conforme o mesmo consta no original) ocupar mais do que 3 linhas em fonte de tamanho 12 e alinhamento justificado, a citação direta se dá de modo diferenciado. Deve-se colocar essa citação em uma espécie de “blocoseparado do resto do texto. Para isso, deve-se dar um toque na tecla “Enter” e digitar a citação abaixo do seu parágrafo. É preciso alinhar a citação longa com recuo da margem para 4 cm, reduzir a fonte (por convenção, usa-se o tamanho 10), trocar o espacejamento que vinha sendo usado (de 1,5 cm) para o espacejamento simples, e eliminar as aspas.

É também necessário fornecer a informação do(a) autor(a) (com seu sobrenome), ano da publicação e página da citação. Essa informação pode vir imediatamente antes da citação separada (ainda no seu próprio parágrafo), ou ao final da citação longa “em bloco” (também conhecida como “citação em recuo”).

Veja os exemplos abaixo. Mais uma vez, como fizemos com a citação direta curta, marcamos em amarelo as diferentes formas de informar os dados essenciais da obra.

Exemplo 1:

A esse respeito, Piovesan (2005) declara:

O processo de universalização dos direitos humanos permitiu a formação de um sistema internacional de proteção desses direitos. Esse sistema é integrado por tratados internacionais de proteção que refletem, sobretudo, a consciência ética contemporânea compartilhada pelos Estados, na medida em que invocam o consenso internacional acerca de temas centrais dos direitos humanos, fixando parâmetros protetivos mínimos. (p. 45).

Exemplo 2:

A esse respeito, é preciso considerar que:

O processo de universalização dos direitos humanos permitiu a formação de um sistema internacional de proteção desses direitos. Esse sistema é integrado por tratados internacionais de proteção que refletem, sobretudo, a consciência ética contemporânea compartilhada pelos Estados, na medida em que invocam o consenso internacional acerca de temas centrais dos direitos humanos, fixando parâmetros protetivos mínimos. (PIOVESAN, 2005, p. 45).

Nota: A citação direta apresentada nos exemplos foi retirada da seguinte obra: PIOVESAN, F. Ações afirmativas da perspectiva dos direitos humanos. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 35, n. 124, p. 43-55, jan./abr. 2005.

Próxima página